segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Uma utilidade







"...aí então que lembrei de você!

[...]só lhe procurar nas horas em que precisa de ajuda, de certa forma lhe compara a uma chave de fendas. Sim, uma chave de fendas que só tem uma utilidade. Você usa e depois guarda, e só sai à sua procura quando ela te ajudará a solucionar mais algum problema.

Você nunca viu e acho que nunca verá alguém chorando abraçado á uma chave de fendas. Já à um ursinho de pelúcia, que não tem utilidade alguma, as pessoas abraçam, chegam até a conversar, mas por aquilo ter um valor sentimental. Isso, ter algum VALOR.

O que eu quero dizer é que você deve procurar alguém que te goste por você ser inútil. Pra que você não sirva de nada pra ela, mas que ela não saiba viver sem você! Atribua as suas mil e umas qualidades a sua inutilidade. Não queira ser uma chave de fendas que serve pra algo, seja um lindo e fofinho ursinho de pelúcia!"


Tenso...

Nenhum comentário: